fbpx

Treinamentos para grupos e empresas | Palestra ou Worskhop

As opções de treinamento podem ser realizadas no formato de palestra ou workshop.

Facilite: Princípios para facilitar a convivência em casa, na rua e no trabalho – criando conexão ao invés de desconexão

A maioria de nós não tivemos uma “escola” de relacionamento saudável, por isso as nossas interações no dia a dia, seja em casa, na rua ou no trabalho, podem ser extremamente desafiadoras. Falta o conhecimento e a aplicação de comportamentos básicos que promovem a boa convivência. Aqui re-conhecemos e desenvolvemos os comportamentos que podem criar mais conexão do que desconexão nas nossas relações no dia a dia, e facilitar o convívio.

Acolher: Como deixar de reagir e começar a responder às situações estressantes e aos outros?

As situações que estão fora do nosso controle e as pessoas com as quais convivemos no dia a dia são gatilhos para emoções difíceis. Não é possível deixar de sentir. E isso é ótimo! Afinal, as nossas emoções são excelentes fontes de dados sobre nós e têm um papel essencial para nos conectarmos uns com os outros. Podemos, sim, diante de gatilhos aprender a lidar de forma saudável com o que sentimos e adotar comportamentos mais sábios para nós e para os outros, no dia a dia.

Como perdoar a si mesmo e os outros para evitar o ressentimento e a reatividade

Talvez o perdão não soe como um tema a ser abordado no ambiente de trabalho, mas caso não saiba o perdão é uma forma de lidar de modo saudável com o que sentimos. Essencial para lidar com mágoas e ressentimentos que podem, aos poucos, intoxicar, prejudicar e destruir os nossos vínculos. Perdoar também é essencial para, de fato, resolver conflitos.

Conectar: Como resolver conflitos de forma equilibrada

Como as pessoas na sua casa resolviam ou resolvem conflitos? Talvez você tenha aprendido que a melhor maneira de lidar com o conflito seja evitando, explodindo ou impondo a sua opinião aos outros. Diferente do que o senso comum pode nos fazer acreditar, conflito não é briga. O conflito nasce na divergência/diferença. É uma oportunidade de desenvolver empatia, conectar, ampliar o olhar e inovar. Mas sem as competências necessárias a divergência se torna gatilho para a desconexão. Aí surge a briga… e perdemos a oportunidade. 

Empatia e compaixão para liderar melhor

A empatia e a compaixão são as competências de liderança mais importantes. Além de contribuir para líderes entenderem as motivações por trás dos comportamentos das pessoas, ambas competências são essenciais para influenciar e afetar positivamente o comportamento dos outros.  Líderes empáticos e compassivos são mais  capazes de manter o engajamento, a satisfação e a performance do time. Empatia e compaixão são essenciais para relações mais positivas e para a manutenção de uma cultura organizacional de resultado.  Empatia e compaixão não tem a ver com ser “suave”. Sim com ser humano e assertivo.