Acreditamos que pessoas mudam o mundo. Receba nosso melhor conteúdo com exclusividade

A.MA.BI.LI.DA.DE
{conexões genuínas consigo e com o outro}

Sabia que a qualidade dos relacionamentos influencia o nosso nível de satisfação com a vida?

Isso foi comprovado por um dos mais longos estudos sobre a vida adulta e a felicidade, realizado em Harvard. O estudo identificou que pessoas mais conectadas à família, aos amigos e à comunidade são mais felizes, mais saudáveis e vivem mais do que pessoas menos conectadas. Inclusive, a solidão adoece e mata.

“When the study began, nobody cared about empathy or attachment. But the key to healthy aging is relationships, relationships, relationships.”
George Vaillant

A vida em sociedade é pautada por nossas relações interpessoais. Seja em casa, na rua ou no trabalho nos relacionamos o tempo todo. Mas a real é que nossos relacionamentos podem ser incríveis fontes de sofrimento. Só que não precisa ser assim.

O outro como fonte de felicidade e qualidade de vida

  • É possível desenvolver competências para nos relacionarmos melhor uns com os outros. Para nos conectarmos genuinamente.

  • Conexões genuínas têm mais influência na nossa felicidade do que dinheiro e fama, e nos tornam mais fortes para enfrentar os desafios na vida.

  • O workshop A.MA.BI.LI.DA.DE. foi criado com a intenção de ajudar a nos relacionarmos melhor conosco e, consequentemente, com o outro.

O que é A.MA.BI.LI.DA.DE?

O nome A.MA.BI.LI.DA.DE foi inspirado no conceito agreeableness, em inglês, que faz parte da consolidada teoria Big Five, utilizada para mapear cinco traços de personalidade (os outros quatro são neuroticismo, extroversão, conscienciosidade e abertura à experiência).
Pessoas amáveis podem ser caracterizadas pela:

  • tendência a serem empáticas, compassivas, tolerantes e cooperativas;

  • preocupação com a harmonia social, de modo que prezam pela boa relação com os outros;

  • em geral são agradáveis, respeitosas, amigáveis, generosas, prestativas e dispostas a fazer compromissos;

  • são otimistas em relação à natureza humana, pois acreditam que as pessoas são honestas, decentes e dignas de confiança.

Ok, entendi que ser amável é massa. Agora, como faz?

É possível nos tornarmos mais amáveis, ou equilibrar o nosso "nível de amabilidade", por meio do desenvolvimento de competências em inteligência emocional (IE). A educação emocional facilita a aprendizagem de competências em IE com base no estudo do cérebro social, das emoções e sentimentos e dos fundamentos da conexão humana e, claro, da prática. Afinal, é fazendo que realmente desenvolvemos competências.

Para quem quer...

  • Aumentar o nível de satisfação com a vida. Só para reforçar, a qualidade de nossos relacionamentos é a base de uma vida plena

  • Conectar-se de forma mais profunda com as pessoas

  • Cultivar relacionamentos mais harmônicos e duradouros

  • Tornar-se menos vulnerável às manifestações de emoções e sentimentos

  • Identificar e autorregular as próprias emoções e sentimentos, bem como as das pessoas com as quais se relaciona (o que não tem nada a ver com manipulação, sim com importar-se com o outro - de verdade

  • Desenvolver e aprimorar o autocontrole para AGIR em vez de REAGIR

  • Lidar com diferentes personalidade

  • Mediar conflitos em casa, na rua e na firm

  • Melhorar a sociabilidade (não quer dizer deixar de ser introvertido, nem mega popular, apenas mais confortável consigo e com os outros)

  • Tornar-se mais empático, compassivo e colaborativo

Onde aplicar?

No Pessoa Melhor acreditamos no desenvolvimento de competências em PESSOAS, não em papéis sociais. O objetivo, sempre, é transformar pessoas que poderão expressar as competências desenvolvidas nos diferentes papéis que exercem na vida. ❤ Assim, após o workshop você poderá praticar A.MA.BI.LI.DA.DE em casa com a família, no relacionamento amoroso, com os amigos, com estranhos que cruzarem o seu caminho e, claro, no trabalho.

Quem faz?

Aline Xavier
Curiosa e, por isso, apaixonada por aprender. Atualmente multiplica ‘coisas’ boas e a linguagem dos afetos (emoções e sentimentos) por meio do Pessoa Melhor. Por que confiar na Aline para ajudá-lo a praticar A.MA.BI.LI.DA.DE? Confira algumas conversas sobre educação emocional aqui

Acreditamos que pessoas mudam o mundo. Preencha seus dados e receba mais informações sobre o A.MA.BI.LI.DA.DE